SEJA BEM VINDO AO BLOG FAMILIA ADMOGIMIRIM

IGREJA EVANGÉLICA ASSEMBLÉIA DE DEUS - Ministério Belém - Campo Mogi Mirim

Departamento da Família

Rua Dr. Rosendo Rodrigues do Prado, 107 - Vila São João – Mogi Mirim/SP
Tel. (19) 3806-7756 - email da secretaria: admmirimbelem@hotmail.com

O GPS e Google estão errados.
Para chegar a igreja através do GPS coloque o seguinte endereço:
Rua Padre José, 845 - fica na esquina com o endereço da igreja.

INSCRIÇÕES ABERTAS

INSCRIÇÕES ABERTAS
veja conteúdo dos cursos no link

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

POESIA DE NATAL

Uma criança, chora no desalento noturno.

A noite tenta ocultar seu som, pois é uma noite especial
Mas seus gritos são incaláveis.
Está só...
Sentida, perdida, sem ninguém
A desunião, a engolia, com voraz bra-vicidade, insistia as lágrimas lavando seu pequenino rosto!
Sentado, naquela fria calçada, vendo pessoas passarem felizes!
Crianças, com suas roupas nova, brin-quedos variados
Enfim, um sorriso no rosto.
Eram repetidas as cenas naquela noi-te!
Sim, pois era noite de Natal, o que era ainda mais sufocante pra aquela criança deselegante
Ansiava um pouco de afeto, que uma mão acariciasse sua cabeça. Mas tudo que tinha era uma brisa gelada à conge-lar suas lágrimas.
Quando à soluços, adormeceu, assus-tou-se após, pois algo tocou a sua cabe-ça.
Não acreditou no que via. Pois havia ganho, seu presente de natal.
Um bom homem, a acariciava.
E a convidou para caminhar, ir para sua aquecida casa.
E a passos se dirigiam, nem ao menos pensou, quem poderia ser o bem feitor daquele presente!
E feliz seguiu...
Pois à suas costas duas imensas mãos a guardava, eram as mãos de Deus, porque foram elas que presentearam-na com tal felicidade.

O MELHOR PRESENTE

Neste natal, se lhe fosse dada a oportunidade de pedir o que você quisesse, o que escolheria? Muitas pessoas pediriam riquezas. Outras iriam pedir saúde, felicidade ou então amizade, coisas que não se compra com dinheiro. Você poderia pedir uma felicidade que nunca terminasse, mas quem poderia fazê-lo viver para sempre? Só há uma pessoa que poderia dar-lhe felicidade eterna - aquele que o fez e lhe deu a vida - o Deus que criou o céus e a terra e tudo o que neles contém.
Felicidade eterna não é uma coisa que se deseje apenas. Deus o ama tanto que enviou seu filho Jesus, para ser seu amigo aqueles que o aceitam serão felizes para sempre, por isso, o melhor presente que você poderia receber neste natal é Jesus. É claro que você quer saber como receber o maior e melhor presente, Deus nos mostra isso em seu maravilho livro, a Bíblia. Nós a chamamos de a palavra de Deus porque os homens que a escreveram, o fizeram sob a inspiração direta de Deus.


Amigo leitor se você não conhece esse grande amigo (Jesus), faz como os pastores e como milhões estão fazendo: busca a Jesus que nasceu na estribaria, morreu na cruz e ressuscitou ao terceiro dia, subiu ao céu, derramou o Espírito Santo e voltará para levar a sua Igreja. Pois um dia não mui distante, Jesus virá nas nuvens e levará sua Igreja, e então o veremos como Ele é e seremos semelhante a Ele, com quem reinaremos; então será o céu para mim e para ti, se o aceitares.


Ademir Mendes e Reinaldo Alves
Adaptação: Livros, revista e Jornais

O VERDADEIRO NATAL

É, está chegando o Natal! Aquele época gostosa de trocas de presente, cartões, flores, votos de felicidades. Porém, acredito que não deve ser esse o verdadeiro sentido do Natal, e sim aquele que brota lá da humilde manjedoura onde um dia, um menino, sendo rico, se fez tão pobre, sendo rei dos Reis deixou a sua glória para nos alcançar, sendo Senhor de tudo, tornou-se nada, se fazendo semelhante a nós.

Estive pensando.... Que devo eu neste natal oferecer ao meu Cristo que se aniversaria? Será que tenho agradado com o meu viver? Será que tenho sido capaz de amar como Ele amou? Será que tenho amado e perdoado o meu irmão, como Ele ama e perdoa?

Oh! Queridos irmãos, que neste Natal, analisemo-nos a nós mesmo e que possamos sentir que o natal não é um sonho, e sim uma realidade, pois não vivemos mais, mas Cristo vive em nós. Que o mundo veja em nós o menino da manjedoura, crescido e amadurecido e com isso glorifique a Deus. Que possamos espalhar o amor, a paz, a alegria, por onde quer que passamos, e que em nós, todos os dias seja natal, e não só uma vez no ano.
Adaptações de revistas

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Mensagem lida na formatura do Curso de Medicina da PUC-PR /2010

Boa noite a todos! Hoje estou aqui para prestar uma homenagem ao primeiro, maior e melhor médico da história da humanidade! Deus é esse médico, o médico dos médicos, e o mais excelente conhecedor do corpo humano. Todas as células e tecidos, órgãos e sistemas, foram arquitetados por Ele, e Ele entende e conhece a sua criação melhor do que todos. Que médico mais excelente poderia existir? Deus é o primeiro cirurgião da história. A primeira operação? Uma toracoplastia, quando Deus retirou uma das costelas de Adão e dela formou a mulher. Ele também é o primeiro Anestesista, porque antes de retirar aquela costela fez um profundo sono cair sobre o homem. Deus é o melhor Obstetra especialista em fertilização que já existiu! Pois concedeu filhos a Sara, uma mulher que além de estéril, já estava na menopausa havia muito tempo! Jesus, o filho de Deus, que com Ele é um só, é o primeiro pediatra da história, pois disse: Deixem vir a mim as crianças, porque delas é o reino de Deus!Ele também é o maior reumatologista, pois curou um homem que tinha uma mão ressequida, ou, tecnicamente uma osteoartrite das articulações interfalangeanas. Jesus é o primeiro oftalmologista, relatou em Jerusalém, o primeiro caso de cu-ra em dois cegos de nascença. Ele também é o primeiro emergencista a realizar, literalmente, uma ressuscitação cardio-pulmonar bem sucedida, quando usou como desfibrilador as suas palavras ao dizer: Lázaro, vem para fora! e pelo poder delas, ressuscitou seu amigo que já havia falecido havia quatro dias.

Ele é o melhor otorrinolaringologista, pois devolveu a audição a um surdo. Seu tratamento? O poder de seu amor. Jesus também é o maior psiquiatra da história, há mais de dois mil anos curou um jovem com graves distúrbios do pensamento e do comportamento!

Deus também é o melhor ortopedista que já existiu, pois juntou um monte de ossos secos em novas articulações e deles fez um grande exército de homens. Sem contar quando ele disse a um homem coxo: Levanta, toma a tua maca e anda! e o homem andou! O tratamento ortopédico de quadril mais efetivo já relatado na história!

A primeira evidência científica sobre a hanseníase está na Bíblia! E Jesus é o dermatologista mais sábio da história pois curou instantaneamente 10 homens que sofriam desta doença. Ele também é o primeiro hematologista, pois com apenas um toque curou a coagulopatia de uma mulher que sofria de hemorragia havia mais de 12 anos e que tinha gastado todo o seu dinheiro com outros médicos em tratamentos sem sucesso. Uma das principais especialidades de Jesus é cardiologia pois Ele faz um transplante de coração naqueles que crêem Nele: Dar-lhes-ei um só coração, espírito novo porei dentro deles; tirarei da sua carne o coração de pedra e lhes darei coração de carne;”

Jesus é ainda, o maior doador de sangue do mundo. Seu tipo sanguíneo? O negativo ou doador universal pois nesta transfusão Ele ofereceu o seu próprio sangue. O sangue de um ho-mem sem pecado algum por todas as pessoas que tinham sobre si a condenação de seus erros, e assim, através da sua morte na cruz e de sua ressurreição, deu a todos os que o recebem, o poder de se tornarem filhos de Deus! E para ter este grande presente, que é a salvação, não é necessário fazer nada, apenas crer e receber!

O bom médico é aquele que dá a sua vida pelos seus pacientes! Ele fez isso por nós! Ele é o médico que não cobra pelos serviços, porque o presente ‘gratuito’ de Deus é a vida eterna!

No seu consultório não há filas. Não é necessário marcar consulta e nem esperar para ser atendido. Pelo contrário, Ele já está à porta e bate, e aquele que abrir a seu coração para Ele, Ele entrará e fará uma grande festa! Não é necessário ter plano de saúde ou convênio, basta você querer e pedir! O tratamento que ele oferece é mais do que a cura de uma doença física. É uma vida de paz e alegria aqui na terra e mais uma eternidade inteira ao seu lado no céu! O médico dos médicos está convidando você hoje para se tornar um paciente d´Ele e receber esta salvação e constatar que o tratamento que Ele oferece é exatamente o que você pre-cisa para viver!

Ele é o único caminho, a verdade e a vida. Ninguém pode ir até Deus a não ser por Ele.
Seu nome é Jesus. A este médico seja hoje o nosso aplauso e a nossa sincera gratidão!

sábado, 20 de novembro de 2010

Não venda, não troque a sua herança!

" E cresceram os meninos, e Esaú foi homem perito na caça, homem do campo; mas Jacó era homem simples, habitando em tendas. 28) - E amava Isaque a Esaú, porque a caça era de seu gosto, mas Rebeca amava a Jacó. 29) - E Jacó cozera um guisado; e veio Esaú do campo, e estava ele cansado; 30) - E disse Esaú a Jacó: Deixa-me, peço-te, comer desse guisado vermelho, porque estou cansado. Por isso se chamou Edom. 31) - Então disse Jacó: Vende-me hoje a tua primogenitura. 32) - E disse Esaú: Eis que estou a ponto de morrer; para que me servirá a primogenitura? 33) - Então disse Jacó: Jura-me hoje. E jurou-lhe e vendeu a sua primogenitura a Jacó. 34) - E Jacó deu pão a Esaú e o guisado de lentilhas; e ele comeu, e bebeu, e levantou-se, e saiu. Assim desprezou Esaú a sua primogenitura".Gn 25: 27 - 34

Introdução:
Jacó e Esaú eram gêmeos e tiveram as mesmas oportunidades.
A grande diferença entre suas histórias se deu por causa das escolhas que fizeram.
Esaú, que tinha o direito de primogenitura, desprezou a bênção, trocando-a por um prato de lentilhas.
A pergunta a ser feita, quantas pessoas trocam sua passagem para a morada celestial, por algo terreno. A todos que desejam proceder dessa forma Satanás estará disposto a fazer a troca. Mais não se enganem. ele feio para matar, roubar e destruir. Jesus veio para que tivéssemos vida e vida em abundância, vida eterna.

1- Uma necessidade – a fome.
Esaú chegou do campo faminto. O momento da necessidade é oportuno para a tentação.
O mesmo aconteceu com Jesus no deserto (Mt.4.1-3). Ele também é um filho primogênito.

2- Uma solução – um prato de lentilhas.
O inimigo tem uma “solução” enganosa para muitos problemas humanos. É um suprimento da necessidade, mas envolve a prática do pecado. A mesa do inimigo (I Cor.10.21) contém os “banquetes” que o mundo oferece. Estão prontos e fáceis. Sem trabalho ou espera. Sexo ilícito,dinheiro sujo, negócio ilegal, etc.

3- Um preço – o direito de primogenitura.
O inimigo é hábil no comércio (Ez.28.16,18). O homem usa agora e paga depois.
(Ilustração: cartão de crédito). A tentação é grande, mas o preço é alto demais.
O inimigo quer destruir o relacionamento do homem com Deus e conduzir sua alma ao inferno.
Todos os homens têm oportunidade diante de Deus, mas suas escolhas determinarão sua eternidade. Não aceitemos as ofertas de Satanás.
Pb. Edson Rocha

terça-feira, 2 de novembro de 2010

SOZINHO É IMPOSSÍVEL

“Dessa vez não tem jeito. Não sei como resolver essa situação. Não sei o que fazer. E ninguém pode me ajudar. Se eu contar isso pra alguém, vão rir de mim ou vão se escandalizar comigo ou não vão entender nada. É dessa vez eu tô perdido.”

Você já se sentiu assim? Um daqueles problemas gigantescos, com cara de insolúvel, aparece diante de você e ... não há saída. Você olha para os lados e não vê nenhuma tábua de salvação. Olha para os irmão e pensa tudo aquilo ali de cima: ninguém entende, ninguém sabe, ninguém se importa. Você já se sentiu assim? Fique sabendo que você não é o único. Essa é uma experiência bastante comum. Só que, infelizmente, num bom número de casos, as pessoas não sabem como sair dela nem onde buscar ajuda, e acabam sucumbindo. Vamos tentar mostrar um ou dois princípios espirituais que possam ajudá-lo.

Em primeiro lugar, lembrar sempre de uma frase de Witness Lee: “Nunca existirá nenhum problema que seja maior do que Cristo”. Satanás atua assim: ele coloca diante de nós problemas e dificuldades gigantescas, invencíveis, e tenta nos convencer de que são problemas insolúveis. Satanás procura chamar a nossa atenção para o problema, e quanto mais fizermos isso, maior o problema parecerá. Não se distraia com seus problemas, mas volte-se ao Senhor. Quando o povo de Israel estrava no deserto, o acampamento deles era curioso. Mesmo estando cercado de inimigos, os israelitas acampavam em torno da arca, com todas as tribos voltadas para a arca, e de costas para o inimigo (Nm 2)!!! É isso aí, de costas para o inimigo!! Em qualquer tempo, qualquer situação, qualquer que seja o problema, volte-se ao Senhor, pois Dele vem a salvação, a solução. Não dê às suas dificuldades mais tempo que elas merecem, mas em todo tempo e lugar volte seu coração para o Senhor.

Em situações difíceis, normalmente somos tentados a resolver o problema sozinhos. Satanás tenta nos convencer de que ninguém vai entender, preocupar-se ou poder resolver. Cuidado, isso é uma armadilha inimiga: convencer-nos de que nossos problemas são apenas nossos e que nós mesmos temos de resolvê-los, custe o que custar. Ele tenta nos separar dos outros irmãos, mentindo-nos de que “aquilo” é um problema só nosso, que os outros não vão entender ou que vão se escandalizar ao saber que você tem “aquele” problema. Você, então, aceita esse papo e tenta resolver tudo sozinho... Na maior parte das vezes, o fim disso é derrota. Isso não significa que não tenhamos de ter nosso própria comunhão com o Senhor ou que devamos viver de carona na fé dos outros. O que você precisa perceber é que desde que aceitou Jesus como seu Senhor em sua vida, você deixou de ser apenas um indivíduo e tornou-se membro do corpo de Cristo. Desde aquele dia, a sua vida e a vida de cada irmão estão profundamente relacionadas e dependentes. Todo ataque contra você é, na verdade ataque contra todo o Corpo de Cristo. Sobre isso o apóstolo Paulo escreveu: “De maneira que, se um membro sofre, todos sofrem com ele; e, se um deles é honrado, com ele todos se regozijam”(1 Co 12:26).
Fonte: Jornal “Arvore da Vida”

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

NAMORAR É BOM DEMAIS! MAS ANTES É PRECISO RESPONDER ALGUMAS PERGUNTAS...

Os Dez Mandamentos do Namoro
Última Parte


Namoro é uma fase muito bonita. É definida como o ato de galantear, cortejar, procurar inspirar amor a alguém. O namoro cristão, tenha a idade que tiver, deve ser uma convivência afetiva preliminar que amadurece e prepara o casal para o compromisso mais profundo. O contrário disso, longe dos princípios de Deus, pode resultar em uma experiência nociva e traumática. Observe alguns princípios que ajudam a manter o seu namoro dentro do ponto de vista de Deus.

1. Não namore por lazer: namoro não é passatempo e o cristão consciente deve encarar o namoro como uma etapa importante e básica para um relacionamento duradouro e feliz. Casamentos sólidos decorrem de namoros bem ajustados.
2. Não se prenda em um jugo desigual: (II Co 6:14-18): iniciar um namoro com alguém que não crê em Deus pode resultar em um casamento equivocado.
3. Imponha limites no relacionamento: o namoro moderno, segundo o ponto de vista dos incrédulos, está deformado e nele intimidade sexual ou práticas que levam a uma intimidade cada vez maior são normais, mas o namoro do cristão não deve ser assim, o que nos leva ao próximo mandamento.
4. Deus criou o sexo: para ser praticado entre duas pessoas que se amam e têm entre si amor e um compromisso permanente.
5. Promova o diálogo e a comunicação: conversar é essencial, estabeleça uma comunicação constante, franca e direta e não evite conversar sobre qualquer assunto.
6. Cultive o romantismo: a convivência a dois deve ser marcada por gentileza, cordialidade e romantismo. Isso não é cafona, nem é coisa do passado e traz brilho ao relacionamento.
7. Mantenha a dignidade e o respeito: o namoro equilibrado tem um tratamento recíproco de dignidade, respeito e valorização. O respeito é imprescindível para um compromisso respeitoso e duradouro. Desrespeito é falta de amor.
8. Pratique a fidelidade: infidelidade no namoro leva à infidelidade no casamento. Fidelidade é elemento imprescindível em qualquer tipo de relacionamento coerente à vontade de Deus, que abomina a leviandade.
9. Assuma publicamente seu relacionamento: uma pessoa madura e coerente com a vontade de Deus não precisa e nem deve lutar contra seus sentimentos ou escondê-los.
10. Forme um triângulo amoroso: namoro realmente cristão só é bom a três: o casal e Deus. Ele deve ser o centro e o objetivo do namoro.

Deixe Deus orientar e consolidar seu namoro. Viva integralmente as bênçãos que Deus tem para você através do namoro. E seja feliz.

NAMORO VIRTUAL É PECADO?
A grande questão sobre sites de namoro virtual está justamente em como usar esse serviço. E para o cristão surge uma dúvida ainda maior: "É pecado?"
"Nossa sociedade, cada vez mais, é uma sociedade das coisas `prontas'. Desapareceu o artesão.
Queremos a família pronta. O casamento pronto. A amizade pronta. A pessoa pronta. Mas todo relacionamento exige tempo, paciência e dedicação. No amor, só se salva quem for artesão." Essa afirmativa é do consultor comportamental, Antônio Roberto Soares. Suas palavras foram publicadas no artigo intitulado "A Construção do Amor" e publicado no Jornal Estado de Minas, de 16 de maio, 2002.
Antônio Roberto Soares tem 58 anos de idade. Começou estudando Filosofia, depois cursou Direito,
Administração de Empresas e vários cursos de Psicologia Organizacional e do Comportamento. Hoje, trabalha como consultor de empresas e atua na área há mais de 25 anos. É casado e tem 7 filhos. Suas palavras são pertinentes, se analisarmos que hoje vivemos a chamada era do imediatismo, que tem na internet uma grande aliada.
Se por um lado a internet é vantajosa no sentido de velocidade, já que as informações são transmitidas quase que instantaneamente e em tempo real, essa mesma velocidade deixa suas marcas. A paciência nesse contexto já não é uma grande virtude. Se considerarmos que hoje tudo é relativo, inclusive e principalmente os valores, tudo é válido. Mas será mesmo tudo válido?
No caso da internet, por exemplo, a rapidez com que as coisas acontecem é surpreendente. E as relações interpessoais também não poderiam ser uma exceção. Esse é um fator de preocupação até mesmo para especialistas da área. Milhões de pessoas em todo o mundo passam horas em frente ao computador na busca da sua "cara metade virtual". Para se ter uma idéia o portal Terra, um dos maiores do Brasil, possui mais de 7 mil pessoas cadastradas no site "Almas Gêmeas" – site de namoro virtual – e que tem como slogan: "Namoros virtuais são mais reais do que você imagina". O chamado namoro virtual é uma realidade da sociedade moderna. E essa é uma realidade que se caracteriza pela falta de compromisso e o anonimato. Esses são um dos atrativos dessa nova onda, onda essa que pode conduzir, cada vez mais, a portos nada seguros. É o caso recente do imigrante brasileiro, Saul dos Reis Júnior, de 24 anos, há catorze vivendo nos Estados Unidos, que matou a americana Christina Long, de apenas 13 anos. Christina foi morta dentro do carro do brasileiro, no estacionamento de um shopping center, no dia 17 de maio deste ano. Os dois se conheceram pela internet, por meio de um bate-papo virtual. O que poderia ser uma simples "brincadeira" acabou em tragédia. A vida de Saul nunca mais será a mesma. Se for julgado por homicídio, poderá ir para o corredor da morte.

Santidade por trás do teclado
A grande questão sobre sites de namoro virtual está justamente em como usar esse serviço. E para o cristão surge uma dúvida ainda maior: "É pecado?" Ciro Eustáquio, pastor na Igreja Batista da Lagoinha afirma: "O dia dos namorados se aproxima e as pessoas estarão cada vez mais propensas e determinadas a encontrar sua cara- metade para que aquele dia não passe em branco. Nós, cristãos, precisamos buscar de Deus o discernimento para que possamos buscar sim, mas com moderação e dentro do propósito de Deus que é a pureza e a santidade. Sendo assim, a pessoa que vai navegar pelas páginas da internet, que vai procurar alguns chats para um papo legal, visando, quem sabe, encontrar aquela pessoa com a qual vai se casar, precisa navegar pela internet em santidade", comenta. Como, então, podemos usufruir da internet sem "defraudar" os princípios da Palavra de Deus?" Isso é possível. Ciro Eustáquio, oferece algumas dicas. Ele, juntamente com sua esposa, Iara Diniz, lidera o Ministério Edificando um Novo Lar, que tem como objetivo dentre outros oferecer todo o suporte necessário à formação de uma família.

1. Novas amizades. "Procure fazer amizades visitando sites evangélicos. A maioria deles possui salas de bate-papo onde você poderá entrar e ter agradáveis surpresas, pois, ali estão os nossos irmãos. Os sites não evangélicos estão contaminados porque o que domina as pessoas que lá estão é a mente do mundo, e o mundo jaz do maligno."
2. Discernimento. "Tenha sempre em mente que os assuntos a serem tratados deverão acontecer de forma harmoniosa e pura. Cuidado com as pessoas que logo sugerem uma certa intimidade. São sites evangélicos, mas a porta está aberta e entra quem quiser. Utilize o discernimento que Deus te deu para saber se está diante de uma ovelha ou um lobo."
3. Sabedoria. Fale das coisas do Senhor. A melhor maneira de conhecer alguém é falando daquilo que Deus tem feito em sua vida. Assim, poderá testemunhar e ouvir a experiência da outra pessoa. Saberá com certeza se é uma nova criatura ou não.
4. Prudência: "Não dê de imediato as suas informações pessoais como telefone, endereço e outras referências. Afinal de contas, até que possa conhecer bem a pessoa que está do outro lado, vai demorar um pouquinho."
5. Novos paradigmas: "Estabeleça seus valores. Lembre-se da passagem de Romanos 12 verso 1 que nos adverte": "E não vos conformeis com este século, mas, transformai-vos pela renovação da vossa mente para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus."
6. Confiança: "Finalmente valorize a si próprio(a). Deus não tem o bom, mas sim o melhor para você. Tão somente creia e espere no Senhor porque certamente bênçãos sem medida serão derramadas sobre a sua vida a partir do momento que você tiver de conhecer aquela pessoa que você vai fazê-la feliz e vice-versa."

A Bíblia transcende ao tempo. As orientações de Deus são as mesmas desde o tempo do pergaminho até a chegada da comunicação virtual. Por isto está escrito: "Passará o céu e a terra, mas as minhas palavras não passarão." (Mc 13:31.) A santidade é o quesito indispensável para que se possa ver a Deus. O desejo do Senhor é que cada cristão se conserve puro, em santidade. "Porquanto está escrito: Sereis santos, porque eu sou santo." (I Pe 1:16.) Ao se comunicar via internet, o cristão deve sempre observar os cuidados para se conservar santo, não deixando de ser santuário do Altíssimo por estar atrás de um teclado. "Para vos confirmar os corações, de sorte que sejam irrepreensíveis em santidade diante de nosso Deus e Pai, na vinda de nosso Senhor Jesus com todos os seus santos." (I Ts 3:13.)
Fonte: http://www.lagoinha.com/

quinta-feira, 9 de setembro de 2010

CURIOSIDADE - A VERDADE SOBRE O LIVRO "A CABANA"

Recentemente, as vendas do livro A Cabana aproximaram-se de [sete] milhões de cópias. Já se fala em transformar o livro em filme. Mas, enquanto o romance quebra os recordes de vendas, ele também rompe a compreensão tradicional de Deus e da teologia cristã. E é aí que está o tropeço. Será que um trabalho de ficção cristã precisa ser doutrinariamente correto?


Quem é o autor? William P. Young [Paul], um homem que conheço há mais de uma década. Cerca de quatro anos atrás, Paul abraçou o “Universalismo Cristão” e vem defendendo essa visão em várias ocasiões. Embora freqüentemente rejeite o “universalismo geral”, a idéia de que muitos caminhos levam a Deus, ele tem afirmado sua esperança de que todos serão reconciliados com Deus, seja deste lado da morte, ou após a morte. O Universalismo Cristão (também conhecido como a Reconciliação Universal) afirma que o amor é o atributo supremo de Deus, que supera todos os outros. Seu amor vai além da sepultura para salvar todos aqueles que recusaram a Cristo durante o tempo em que viveram. Conforme essa idéia, mesmo os anjos caídos, e o próprio Diabo, um dia se arrependerão, serão libertos do inferno e entrarão no céu. Não pode ser deixado no universo nenhum ser a quem o amor de Deus não venha a conquistar; daí as palavras: reconciliação universal.

Muitos têm apontado erros teológicos que acharam no livro. Eles encontram falhas na visão de Young sobre a revelação e sobre a Bíblia, sua apresentação de Deus, do Espírito Santo, da morte de Jesus e do significado da reconciliação, além da subversão de instituições que Deus ordenou, tais como o governo e a igreja local. Mas a linha comum que amarra todos esses erros é o Universalismo Cristão. Um estudo sobre a história da Reconciliação Universal, que remonta ao século III, mostra que todos esses desvios doutrinários, inclusive a oposição à igreja local, são características do Universalismo. Nos tempos modernos, ele tem enfraquecido a fé evangélica na Europa e na América. Juntou-se ao Unitarianismo para formarem a Igreja Unitariana-Universalista.

Ao comparar os credos do Universalismo com uma leitura cuidadosa de A Cabana, descobre-se quão profundamente ele está entranhado nesse livro. Eis aqui algumas evidências resumidas:

1) O credo universalista de 1899 afirmava que “existe um Deus cuja natureza é o amor”. Young diz que Deus “não pode agir independentemente do amor” (p. 102),[1] e que Deus tem sempre o propósito de expressar Seu amor em tudo o que faz (p. 191).

2) Não existe punição eterna para o pecado. O credo de 1899 novamente afirma que Deus “finalmente restaurará toda a família humana à santidade e à alegria”. Semelhantemente, Young nega que “Papai” (nome dado pelo personagem a Deus, o Pai) “derrama ira e lança as pessoas” no inferno. Deus não pune por causa do pecado; é a alegria dEle “curar o pecado” (p. 120). Papai “redime” o julgamento final (p. 127). Deus não “condenará a maioria a uma eternidade de tormento, distante de Sua presença e separada de Seu amor” (p. 162).

3) Há uma representação incompleta da enormidade do pecado e do mal. Satanás, como o grande enganador e instigador da tentação ao pecado, deixa de ser mencionado na discussão de Young sobre a queda (pp. 134-37).

4) Existe uma subjugação da justiça de Deus a seu amor – um princípio central ao Universalismo. O credo de 1878 afirma que o atributo da justiça de Deus “nasce do amor e é limitado pelo amor”. Young afirma que Deus escolheu “o caminho da cruz onde a misericórdia triunfa sobre a justiça por causa do amor”, e que esta maneira é melhor do que se Deus tivesse que exercer justiça (pp. 164-65).

Será que um trabalho de ficção cristã precisa ser doutrinariamente correto?

5) Existe um erro grave na maneira como Young retrata a Trindade. Ele afirma que toda a Trindade encarnou como o Filho de Deus, e que a Trindade toda foi crucificada (p. 99). Ambos, Jesus e Papai (Deus) levam as marcas da crucificação em suas mãos (contrariamente a Isaías 53.4-10). O erro de Young leva ao modalismo, ou seja, que Deus é único e às vezes assume as diferentes modalidades de Pai, Filho e Espírito Santo, uma heresia condenada pela igreja primitiva. Young também faz de Deus uma deusa; além disso, ele quebra o Segundo Mandamento ao dar a Deus, o Pai, a imagem de uma pessoa.

6) A reconciliação é efetiva para todos sem necessidade de exercerem a fé. Papai afirma que ele está reconciliado com o mundo todo, não apenas com aqueles que crêem (p. 192). Os credos do Universalismo, tanto o de 1878 quanto o de 1899, nunca mencionaram a fé.

7) Não existe um julgamento futuro. Deus nunca imporá Sua vontade sobre as pessoas, mesmo em Sua capacidade de julgar, pois isso seria contrário ao amor (p. 145). Deus se submete aos humanos e os humanos se submetem a Deus em um “círculo de relacionamentos”.

8) Todos são igualmente filhos de Deus e igualmente amados por ele (pp. 155-56). Numa futura revolução de “amor e bondade”, todas as pessoas, por causa do amor, confessarão a Jesus como Senhor (p. 248).

9) A instituição da Igreja é rejeitada como sendo diabólica. Jesus afirma que Ele “nunca criou e nunca criará” instituições (p. 178). As igrejas evangélicas são um obstáculo ao universalismo.

10) Finalmente, a Bíblia não é levada em consideração nesse romance. É um livro sobre culpa e não sobre esperança, encorajamento e revelação.

Logo no início desta resenha, fiz uma pergunta: “Será que um trabalho de ficção precisa ser doutrinariamente correto?” Neste caso a resposta é sim, pois Young é deliberadamente teológico. A ficção serve à teologia, e não vice-versa. Outra pergunta é: “Os pontos positivos do romance não superam os pontos negativos?” Novamente, se alguém usar a impureza doutrinária para ensinar como ser restaurado a Deus, o resultado final é que a pessoa não é restaurada da maneira bíblica ao Deus da Bíblia. Finalmente, pode-se perguntar: “Esse livro não poderia lançar os fundamentos para a busca de um relacionamento crescente com Deus com base na Bíblia?” Certamente, isso é possível. Mas, tendo em vista os erros, o potencial para o descaminho é tão grande quanto o potencial para o crescimento. Young não apresenta nenhuma orientação com relação ao crescimento espiritual. Ele não leva em consideração nem a Bíblia, nem a igreja institucional com suas ordenanças. Se alguém encontrar um relacionamento mais profundo com Deus que reflita a fidelidade bíblica, será a despeito de A Cabana e não por causa dela. (extraído de uma resenha de James B. De Young, Western Theological Seminary - The Berean Call - http://www.chamada.com.br)

Nota:
1. As páginas citadas são as da edição original em inglês.
Publicado anteriormente na revista Chamada da Meia-Noite, setembro de 2009.

domingo, 22 de agosto de 2010

O PODER DESTRUTIVO DAS NOVELAS

Apesar da certeza do poder destrutivo dos folhetins, os noveleiros continuam escrevendo enredos que acertam em cheio a célula mater da sociedade


Dizer que as novelas prestam um grande desserviço à sociedade não é nenhuma novidade. Tanto é assim que estudo do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) realizado há pouco tempo sugeriu uma ligação entre as populares novelas da TV Globo e o aumento no número de divórcios no Brasil nas últimas décadas.

Entretanto, apesar da certeza do poder destrutivo dos folhetins em relação à família, os noveleiros continuam escrevendo enredos que acertam em cheio a célula mater da sociedade. Nesse sentido, conforme matéria da Folha de S. Paulo, na novela “Passione”, da Globo, Estela vai trair o marido, Saulo (Werner Schunemann), com “uns nove [homens] diferentes” até o 23º capítulo da novela, segundo a intérprete da personagem, Maitê Proença. Diz ainda: “É tudo muito objetivo: sexo. Ela olha, mostra que quer, os homens veem. Não tem frufru, charminho nem trejeito. Mas isso sem ser vulgar”, explica a atriz.

Caros leitores, essa notícia é de estarrecer qualquer pessoa de senso moral mediano. Impressiona como a Globo tem a capacidade de se superar no quesito destruição familiar e indignidade sexual.

E o mais absurdo ainda é que a própria atriz não vê nenhum tipo de vulgaridade no enredo, mesmo que a sua personagem traia o marido nove (9) vezes em apenas vinte e três (23) capítulos. A Bíblia chama isso de “mente cauterizada” (I Tm. 4.2).

O problema maior é que tais enredos são criados exatamente para atender uma demanda social. Novela só da audiência se tiver imoralidade. Ao ser entrevistado pela revista Veja, o noveleiro Silvio de Abreu confessou: “Como sempre acontece na Globo, realizamos uma pesquisa com espectadoras para ver como o público estava absorvendo a trama e constatamos que uma parcela considerável delas já não valoriza tanto a retidão de caráter. Para elas, fazer o que for necessário para se realizar na vida é o certo. Esse encontro com o público me fez pensar que a moral do país está em frangalhos.” (Aqui)

De fato. A moral do país está em frangalhos, e os noveleiros contribuem ainda mais para isso (…)

A verdade é que sob o disfarce do entretenimento e da cultura popular de massa, nossas crianças, adolescentes, jovens e até mesmo adultos estão sendo seduzidos e negativamente influenciados pela mídia ímpia, descompromissada com valores morais e éticos.

Apesar de tudo, tais publicações continuam sendo classificadas como “arte”, “cultura” e “entretenimento”. Historicamente existe uma explicação para tal concepção. Charles Colson & Nancy Pearcey observam que “… quando a ciência foi ungida como o único caminho para a verdade (cientificismo), a arte foi degradada à fantasia subjetiva e os artistas foram colocados na defensiva. Eles responderam criando uma filosofia que consequentemente lança a arte como ferramenta de subversão, uma maneira de enfiar o nariz na sociedade convencional” (E Agora, Como Viveremos, p. 544).

Infelizmente, porém, a sociedade tem pago um preço alto demais por essa arte subversiva, por essa cultura irresponsável e, sobretudo, por esse entretenimento bestial.

Como escreveu o jornalista (e amigo) José San Martin: “A natureza humana decaída sempre desejará mais concessões. Vai querer sempre mais do pior que puder alcançar. O ser humano rebelado contra os princípios do Criador vai invariavelmente desejar agradar a si mesmo e nunca a Deus. Assim, de abismo em abismo, todas as instâncias sociais vão sendo cooptadas, a exemplo do atual governo com militantes liberais infiltrados em toda sua estrutura.”

Ele finaliza: “Esta é crônica de um país que avança a cada dia para a tragédia. Crônica de um mundo que tomou um caminho sem volta, o caminho da licenciosidade. O caminho da luxúria. Um mundo que já está julgado e vive inconscientemente sob uma terrível expectativa de destruição. Mas ainda há uma saída a tantos quantos queiram romper as cadeias da escravidão espiritual, imposta por Satanás, o inimigo de Deus. Hoje Deus oferece gratuitamente este escape.”

Fonte: Site CPAD News - Autor: Valmir Nascimento

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

COM QUEM VOU NAMORAR?  - PARTE 2

Você já pensou nas qualidades que espera encontrar na pessoa amada? Observe as dicas a seguir e decida somente após uma séria avaliação.

Dicas para um bom namoro
• O que ele (a) pensa sobre Deus?
• Ele (a) dá testemunho de uma vida comprometida com Deus?
• Ele (a) é bondoso(a)? Educado(a)?
• Como ele(a) reage às suas fraquezas e defeitos?
• Como reage aos problemas que a vida traz?
• Como ele(a) reage à auto- É companheiro(a)? É amigo(a)?
• É briguento(a)?
• Ele(a) é sensível? Demonstra consideração?
• Já estabeleceu alvos para o futuro?
• Como ele(a) lida com dinheiro?

Sem dúvida, é difícil encontrar todas essas qualidades numa só pessoa. Veja se a pessoa corresponde às expectativas que você considera essenciais. Coloque seus anseios quanto a ela em oração e espere em Deus. Lembre-se que Ele pode responder sim, não ou espere. O coração humano sempre tem dificuldade em ESPERAR. Deus por toda a Bíblia, nos orienta a esperar por Ele, como em Salmo 46.10- "Aquietai-vos e sabei que eu Sou Deus." Quando ao invés de aquietar, nós nos inquietamos e começamos a agir por conta própria, acumulamos frustrações e problemas.Ao procurarmos o querer do Senhor para nossas vidas, descobrimos a grande verdade descrita em Rm 12.2-"A vontade de Deus é boa perfeita e agradável". Ele sempre quer o melhor para nós.Você encontrou a pessoa certa? Já sente-se com maturidade suficiente para encarar o amor e suas responsabilidades? Orou ao Senhor, e obteve uma resposta afirmativa, até de seus pais? Vá em frente, invista nesse namoro. Vai valer a pena! Caso contrário, vá curtir sua juventude, seus amigos e cada etapa desta emocionante fase da vida , pois ainda não é o seu tempo para namorar.Namorar é muito bom! Mas, namorar dentro da vontade de Deus é melhor ainda!!!

UM NAMORO QUE VEM DE DEUS
Quando Isaque estava pronto para se casar, seu pai Abraão enviou um servo a sua pátria para escolher uma esposa para Isaque. O servo encontrou Rebeca e trouxe-a na volta para Canaã, para ser esposa de Isaque. Ele só se encontrou com Rebeca pouco antes de se casarem e não a namorou (Gênesis 24). Isso pode parecer estranho, até mesmo espantoso, para uma pessoa jovem de hoje em dia, mas os casamentos arranjados pelos pais eram comuns nos tempos bíblicos. O que dizer do romance? E se o homem e a mulher não fossem fisicamente atraídos um pelo outro? Esses casamentos, com freqüência, duravam precisamente porque não eram iniciados na base da atração física ou do amor romântico, uma emoção que é freqüentemente difícil de sustentar.

Hoje, contudo, é mais comum os jovens selecionarem seus próprios companheiros.
Enquanto o namoro nem sempre leva ao casamento, é o método usual de se encontrar um parceiro para o casamento. O namoro sempre permite que se observe e se conheça mais sobre aquela pessoa especial a quem se está considerando como um possível companheiro.

Obviamente, o namoro pode e deve ser agradável, mas também é sério. A seleção de um parceiro para o casamento é uma das mais significativas decisões que uma pessoa fará na vida. A Bíblia ensina que quando um homem e uma mulher se casam, deverão permanecer casados pelo resto de suas vidas. O divórcio é autorizado por Deus somente em casos quando o adultério foi cometido por um dos parceiros (Mateus 19:3-9; 5:31-32). Uma má escolha do companheiro é uma decisão que pode causar muito sofrimento, mais tarde, na vida. Por outro lado, um bom companheiro é uma bênção maravilhosa em nossa vida (Provérbios 18:22).

QUE TIPO DE PARCEIRO DEVERÁ UM HOMEM OU UMA MULHER ESTAR PROCURANDO?

Freqüentemente, os jovens escolhem seus namorados na base da aparência física. Rapazes querem namorar mulheres com corpo bem feito e feições atraentes. As moças querem namorar homens com corpo forte e feições elegantes. Infelizmente, a atração física não é uma garantia de que um jovem será um bom esposo ou de que uma moça venha a ser uma boa esposa.

Não é errado, certamente, ser-se atraído pela beleza física, mas o bom caráter é o que dá a felicidade no casamento (1 Pedro 3:1-6). Quando as pessoas namoram, que traços de caráter deveriam elas estar procurando em seus namorados? Observando as responsabilidades de esposos e esposas, podemos descobrir alguns dos traços que são necessários a um casamento bem sucedido. As Escrituras também nos dizem sobre alguns traços de caráter que são importantes em qualquer relação humana.

PROCURANDO UM BOM ESPOSO
A responsabilidade do esposo é amar sua esposa sem egoísmo, assim como Cristo amou a igreja (Efésios 5:25-29). Ele precisa estar pronto a sacrificar-se por ela, a amá-la nos tempos difíceis. O esposo é a cabeça da esposa, mas precisa respeitá-la como aquela que se submeteu a ele voluntariamente, isto é, aquela que se tornou o "vaso mais fraco" por sua própria escolha (1 Pedro 3:7). Como provedor de sua família, ele precisa possuir a vontade de trabalhar com suas mãos e sua mente (Gênesis 3:17-19; 1 Timóteo 5:8). Quando uma mulher namora, ela deverá estar-se fazendo as seguintes perguntas sobre o homem com quem ela está se encontrando. Ele demonstra uma atitude desprendida? Ele mostra respeito pelas mulheres? Ela deverá ser bastante prudente para observar como ele age com sua mãe, a quem ele é mandado honrar pelas Escrituras (Efésios 6:2). Ele tem demonstrado capacidade para terminar tarefas desagradáveis que precisam ser feitas ou ele perde o interesse rapidamente e desiste?

PROCURANDO UMA BOA ESPOSA
A responsabilidade da esposa é amar seu esposo e filhos e cuidar da casa (Tito 2:4-5; 1 Timóteo 5:14). Os cuidados da casa, incluindo o trato e o ensinamento dos filhos, exigem muito trabalho e paciência. Ela precisa querer submeter-se à autoridade de seu esposo, justamente como a igreja precisa submeter-se a sua cabeça, Jesus Cristo, em todas as coisas (Efésios 5:22-24). Assim como a mulher, o homem deverá estar-se fazendo algumas perguntas a respeito da pessoa que ele está encontrando. Ela adorna a pessoa interior do seu coração adequadamente, manifestando um espírito que é "manso e tranqüilo" (1 Pedro 3:3-4)? Ela mostra respeito pela autoridade de seus pais? Se não, ela mais tarde mostrará respeito pela autoridade de seu esposo? Ela demonstrou capacidade e disposição para trabalhar nas tarefas domésticas até que elas estejam terminadas e bem feitas? Todo o homem jovem faria bem em ler Provérbios 31:10-31 e considerar as qualidades da mulher descrita nesse texto.

TRAÇOS GERAIS DE CARÁTER
Há outros traços de caráter e atitudes que são de suma importância para o sucesso no casamento. Por exemplo, a confiança é a base do casamento. Aqueles que servem para o casamento deverão falar sempre a verdade, não só um com o outro, mas em qualquer circunstância (Colossenses 3:9). Haverá ocasiões em um casamento quando um parceiro não terá como verificar a veracidade do outro. Para que esse casamento perdure, cada um precisa ser capaz de ter confiança na honestidade e fidelidade do outro. A pessoa que estou namorando diz sempre a verdade a mim e aos outros?

Duas pessoas quaisquer, numa relação tão íntima como o casamento, eventualmente pecarão uma contra a outra. Para que essa relação permaneça sadia, ambos precisam ser capazes de admitir o erro e pedir perdão. Isso exige humildade, que não é a ausência de confiança em si mesmo, mas antes uma avaliação adequada de si mesmo em relação com Deus e com os outros. A arrogância e a hipocrisia que ela produz podem destruir um casamento. A pessoa que estou namorando manifesta uma humildade genuína?

Talvez uma das fraquezas humanas mais comuns é a raiva desenfreada. Impaciência com irritabilidade fazem uma combinação terrível, que freqüentemente destrói a comunicação num casamento e às vezes resulta em violência física de um parceiro contra o outro. A Bíblia adverte repetidamente contra o perigo da ira incontida (Tiago 1:19-20; Efésios 4:26-27,31-32). Explosões de temperamento durante o período de namoro são um sinal claro de que o casamento com uma pessoa assim trará dificuldades.

Espiritualidade e respeito pela palavra de Deus são os traços que formam uma base firme para todos estes outros traços de caráter e atitudes. Aqueles que vivem num nível puramente físico, cuidando apenas dos prazeres da carne, dão maus parceiros de casamento porque tendem a ser abertamente egoístas e freqüentemente lhes falta domínio próprio. A pessoa que estou namorando está interessada em servir a Deus?

Essa pessoa demonstra interesse por coisas espirituais? Aqueles homens e mulheres que estão habituados a seguir a palavra de Deus na vida são melhores esposos, simplesmente porque a Bíblia contém a receita para um casamento bem sucedido.

SUGESTÕES PARA O NAMORO
O processo de amadurecimento físico e mental dos jovens traz tanto potência quanto perigo. É claro, nossos corpos freqüentemente amadurecem mais depressa que nosso juízo. Além disso, os desejos sexuais são com freqüência mais fortes na adolescência e na juventude do que em qualquer outro período da vida. Por esta razão, é importantíssimo que os jovens percebam a importância de manter a pureza sexual. A Bíblia é clara sobre o fato que ter relações sexuais antes do casamento é pecaminoso (1 Coríntios 6:13-18; 7:1-2). Umas poucas orientações simples para o namoro ajudarão a diminuir o perigo de ser-se apanhado na impureza.

Evite o contato físico excessivo. As chamas da paixão freqüentemente são avivadas pelo contato físico íntimo até o ponto em que nenhuma pessoa quer parar. Muitos homens e mulheres tem pensado que poderiam se conter em certas circunstâncias, mas perderam sua pureza num momento de fraqueza. "Tomará alguém fogo no seio, sem que as suas vestes se incendeiem? Ou andará alguém sobre brasas, sem que se queimem os seus pés?" (Provérbios 6:27-28).Não se encha de desejos pecaminosos, evitando situações que provoquem a tentação (Romanos 13:14). É possível resistir à tentação, mas precisamos querer buscar o meio de escapar (1 Coríntios 10:12-13). Evite os lugares escuros, isolados. Planeje as atividades do namoro em vez de se deixar levar pela paixão do momento. Roupas modestas também ajudam a evitar a tentação. As mulheres, especialmente, deveriam vestir-se de tal modo que reflita sua castidade e pureza; vestir-se de roupas escandalosas é sugerir ao seu namorado que ela pode estar querendo se envolver em comportamento lascivo. Evite namorar com pouca idade. Por causa do principal propósito do namoro, isto é, encontrar um companheiro, é um erro começar a namorar muito cedo. Tal prática meramente coloca meninos e meninas em situações para as quais não estão preparados. Infelizmente os jovens, freqüente e erradamente consideram o comportamento lascivo como um sinal de maturidade e desejam desesperadamente tornar-se adultos. Os pais dos jovens não deveriam permitir-lhes namorar enquanto não amadurecerem suficientemente para entender os perigos e as responsabilidades do namoro.Tem sido observado que geralmente casamos com alguém que namoramos! Por essa razão, os homens e as mulheres precisam agir com cuidado no namoro. Olhar para o caráter da pessoa que namoramos, em vez de ver somente sua aparência física, pode ajudar a garantir a escolha de um bom parceiro. A prudência no namoro nos ajudará a evitar os trágicos erros e pecados que podem danificar seriamente nossas oportunidades de futura felicidade nesta vida, e na eternidade.

Os Dez Mandamentos do Namoro

Namoro é uma fase muito bonita. É definida como o ato de galantear, cortejar, procurar inspirar amor a alguém. O namoro cristão, tenha a idade que tiver, deve ser uma convivência afetiva preliminar que amadurece e prepara o casal para o compromisso mais profundo. O contrário disso, longe dos princípios de Deus, pode resultar em uma experiência nociva e traumática. Observe alguns princípios que ajudam a manter o seu namoro dentro do ponto de vista de Deus.
continua....

segunda-feira, 19 de julho de 2010

NAMORAR É BOM DEMAIS! MAS ANTES É PRECISO RESPONDER ALGUMAS PERGUNTAS....
PARTE 1

Como Posso ter um namoro aprovado por Deus ?
NAMORO CRISTÃO: Período de amizade, conhecimento mútuo, oração e estudo da Palavra de Deus.
NOIVADO CRISTÃO: Período de planejamento e preparação para o casamento, compra de móveis, arrumação da casa, etc., tudo deve ser feito com muita oração e direção na Palavra.
CASAMENTO CRISTÃO: Envolvimento espiritual, mental e físico. O Senhor deixou claro que só através do casamento o homem e a mulher seriam os dois uma só carne, ou seja, teriam relacionamento físico.
a. - Os padrões do namoro cristão são bem diferentes dos padrões que o sistema do mundo tem. No sistema do mundo, na maioria dos casos, o namoro está alicerçado no prazer físico e egoísta. Na maioria das vezes o sexo é a base do relacionamento, e, talvez depois, acontece o casamento.
b. - O namoro cristão precisa ser diferente, Deus coloca limites para a nossa vida em tudo, porque em nós há um desejo depravado para pecar, vindo assim a nossa destruição.
c. - O namoro cristão precisa ser uma amizade que cresce em oração e estudo da Palavra de Deus; o casal tem oportunidades de se conhecer e aplicar o conhecimento da Palavra de Deus ao seu relacionamento. O objetivo do namoro cristão deve ser o conhecimento mútuo e o prazer da amizade.
A VONTADE DE DEUS É A NOSSA SANTIFICAÇÃO: (ITes. 4:1-8)
Santificar-se é viver dentro dos padrões da Palavra de Deus, é ter temor do Senhor no coração e rejeitar tudo aquilo que é pecaminoso e prejudicial para a nossa alma. : (vs. 3) Em IPe. 1:16, o Senhor nos diz: "Sede santos, porque eu sou santo". Em Jo. 17:17 diz: "Santifica-os na verdade, a Tua Palavra é a verdade". Quando fazemos a vontade de Deus, experimentamos a verdadeira alegria e o verdadeiro propósito da vida. Mas quando desobedecemos a vontade de Deus, nos tornamos tristes, vazios, angustiados e sem propósito na vida e vem o embrutecimento da nossa personalidade. (Jd. 10)

TEMOS A RESPONSABILIDADE DO NOSSO PRÓPRIO CORPO DIANTE DE DEUS: (I Tes. 4:4-5)
O nosso corpo é o templo do Espírito Santo, é a habitação de Deus aqui na terra, fomos comprados com o sangue de Jesus Cristo o Filho de Deus. Portanto não somos mais de nós mesmos, ou seja, não podemos fazer com o nosso corpo o que fazíamos no passado, mas através do nosso corpo devemos glorificar o Nome do Senhor. (ICor. 6:15-20)
SOMOS RESPONSÁVEIS DIANTE DE DEUS, POR AQUILO QUE CAUSAMOS NAS OUTRAS PESSOAS, ATRAVÉS DOS NOSSOS CORPOS E ATITUDES: (ITes. 4:6)
Defraudar ou Oprimir significa: Despertar desejo em alguém, não podendo ser satisfeito dentro dos padrões da Palavra e Vontade de Deus. (Ex. carícias, gestos, palavras, uso de roupas, etc...).
REJEITAR TODAS ESTAS COISAS, É REJEITAR A DEUS E NÃO A HOMENS: (I Tes. 4:8)
Mutas vezes somos tentados a fazer algo errado, principalmente quando achamos que não tem ninguém por perto nos vendo; mas nos enganamos, porque a Bíblia diz que Deus está vendo tudo (Heb. 4:13). Por isso, quando voluntariamente pecamos desobedecendo a Palavra de Deus, o Espírito Santo se entristece em nós, além disso, estaremos dando lugar ao diabo e entrando em decadência espiritual. O sexo fora do casamento é algo reprovável e condenável por Deus. O Senhor não criou o homem para o pecado, mas sim, para a santidade. (I Cor. 6:9-11; Atos 15:29; Mt. 5:32; Apc. 22:14-15)
*Nunca devemos nos esquecer: "A santidade é bela". (Salmo 96:9 e 27:4)

*NAS TRÊS ETAPAS, (NAMORO, NOIVADO E CASAMENTO) JESUS CRISTO PRECISA SER O CENTRO DAS NOSSAS ATENÇÕES: (Fp. 1:21).

Só conseguiremos ser felizes quando Jesus Cristo estiver no centro de nossas vidas e dos nossos relacionamentos. Só depois que permitirmos que o Senhor reine sobre nós é que conseguiremos êxito em tudo que fizermos.

PARA QUE O NAMORO SEJA DA VONTADE DE DEUS...
1- Nunca Namorar com uma pessoa que não crê em Deus. 2Cor. 6:14-18
2- O Namoro precisa começar sempre com Oração. Fp.4:6
3- Comunicar aos pais de ambos, sobre suas intenções. Ef. 6:1-3
4- Nunca viver no "agarra-agarra", principalmente na rua. Col. 4:5
5- Nunca namorar dentro da Igreja. A Igreja é um lugar de adoração a Deus.
6- Não deixar o grupo de jovens por causa do namoro. Heb. 10:25

POR QUE NAMORAR?
O que você pensa sobre o namoro? Você já fez essa pergunta a si mesmo? Ela pode ajudar muito a definir com que idade deve-se começar a namorar. Tudo depende da maneira como você vai encará-lo. Se for com seriedade e compromisso , pode-se dizer que o seu equilíbrio emocional está começando.Iniciar um namoro com 12 ou 13 anos, geralmente causa privações de estar com outros amigos ,jogar o esporte que gosta, porque o(a) namorado(a) pode ficar com ciúmes. Por que queimar etapas da sua vida antes da hora? Assumir a seriedade do namoro tão cedo? Adolescência é para se curtir os amigos, viver muitas aventuras. Será que você está preparado(a) para dedicar-se tanto a uma pessoa?O namoro não é apenas um momento de emoção a dois. Ele é um período muito importante e deve ser levado a sério em nossas vidas. A sua base deve ser firmada num amor de verdade e não em uma paixão desenfreada. E isso leva tempo para se adquirir.O namoro é o tempo das descobertas. Descobrir o máximo como é o outro: sua personalidade, temperamento, caráter, afinidades e hábitos. Além de oferecer também uma oportunidade para se desenvolver amizade e companheirismo. Você entrou num namoro só por causa das carícias? Cuidado! Elas são muito atraentes e envolventes, mas costumam cegar nosso entendimento para outras áreas importantes. Numa dessas, você pensa que o(a) garoto(a) é um príncipe (ou princesa),de repente você está com o maior "sapo" nas mãos.

COM QUEM VOU NAMORAR?
Você já pensou nas qualidades que espera encontrar na pessoa amada? Observe as dicas a seguir e decida somente após uma séria avaliação.

CONTINUA.....

sexta-feira, 2 de julho de 2010

A Bíblia ou o Celular ?

Já imaginou, Bíblia ou Celular???

E se sempre carregássemos a nossa Bíblia no bolso ou na bolsa?
déssemos uma olhada nela várias vezes ao dia,voltássemos para apanhá-la quando a esquecemos em casa, no escritório...

E se a usássemos para enviar mensagens aos nossos amigos, se a tratássemos como se não pudéssemos viver sem ela, a déssemos de presente a quem amamos,
E se a usássemos quando viajamos,
E se lançássemos mão dela em caso de emergência.Ao contrário do celular,
a Bíblia não fica sem sinal.Ela 'pega' em qualquer lugar.

Não é preciso se preocupar com a falta de crédito porque
Jesus já pagou a conta e os créditos não têm fim.E o melhor de tudo: não cai a ligação e a carga da bateria é para toda a vida.

TELEFONES DE EMERGÊNCIA:

Quando você estiver triste - ligue João 14.
Quando pessoas falarem de você -
ligue Salmo 51.
Quando você estiver preocupado - ligue Mateus 6:19,34.
Quando você estiver em perigo - ligue Salmo 91.
Quando Deus parecer distante - ligue Salmo 63.

Quando sua fé precisar ser ativada - ligue Hebreus 11.
Quando você estiver solitário e com medo - ligue Salmo 23.
Quando você for áspero e crítico - ligue 1 Coríntios 13.
Para saber o segredo da felicidade - ligue Colossenses 3:12-17.

Quando você sentir-se triste e sozinho - ligue Romanos 8:31-39.
Quando você quiser paz e descanso - ligue Mateus 11:25-30.
Quando o mundo parecer maior que Deus - ligue Salmo 90.



Pode ser que um desses números de emergência salve uma vida!

sábado, 19 de junho de 2010

NÃO USE CAMISINHA


Com certeza alguém já falou para você que é importante o uso de camisinha durante relação sexual. Talvez você tenha pensado que essa orientação é tão-somente para evitar a AIDS, e não percebeu que isso faz parte de uma estratégia de Satanás para levá-la ao pecado. Ele sabe que você é forte, que a Palavra de Deus habita em você, por isso tem vencido o Maligno (1Jo 2.14). Ele objetiva destruir jovens tão promissores para a obra de Deus.

O uso de preservativos tem sido amplamente incentivado como se realmente pudesse evitar o pior, que é uma doença fatal. Entretanto, é muito importante atentar para outro fato importantíssimo: sexo com camisinha não minimiza a gravidade do pecado sexual, e o pior mesmo não é a conseqüência física, mas a espiritual, pois o pecado nos afasta de Deus.

Na verdade, muitas jovens cristãs só vieram a confessar o pecado sexual por causa de uma gravidez indesejada ou de uma doença inesperada. Mas, é grande também o número daquelas que mantêm o pecado em segredo, simplesmente porque o mesmo não tem conseqüências visíveis. Por isso, é predominante o pensamento de que com camisinha o risco é menor para a saúde e favorece a privacidade, pois dificilmente o ato será descoberto.

Disso surgem alguns questionamentos: O uso de preservativos durante o ato sexual pode trazer paz à consciência da jovem cristã? Estaria ela tranqüila diante de Deus só por ter a sua saúde intacta? Alguém poderia perguntar: Já que é um costume normal da sociedade moderna, não seria mais aconselhável o uso da camisinha do que a irresponsabilidade de uma gravidez precoce? A resposta é que um erro não conserta o outro, ou seja, o fato de que tal prática é normal na sociedade mundana, não autoriza a jovem cristã a fazer o mesmo.

A urgência de refletir sobre isso tem levado muitos orientadores cristãos a ensinarem a respeito da santidade, da abstinência do sexo até o casamento, do domínio próprio e de uma vida comprometida com Deus. Mas isso não é tudo. A assustadora liberdade dos namoros de hoje justifica a existência de tantas dúvidas sobre o assunto.

Hoje em dia, se o jovem cristão arruma uma namorada não-crente, o que não deveria acontecer (2Co 6.14), provavelmente, ela já esteja acostumada a namorar no estilo do mundo, logo, o sexo com o namorado é comum para ela, e essa será a expectativa dela para o seu novo relacionamento. O mesmo acontece com a jovem. Será fácil convencer o namorado de que não é lícito fazer sexo antes do casamento? Será fácil resistir à sedução do namorado, dizendo que todo mundo faz e que não há mal algum em satisfazer os seus desejos sexuais?

A jovem cristã conhece os princípios cristãos e sabe que o sexo antes do casamento é algo que desagrada a Deus, mas é ameaçada pelo namorado não-crente que diz que se ela não ceder vai fazer sexo com outras. Diante de pressões como esta, muitas adolescentes e jovens têm sucumbido à tentação e abandonado o caminho do Senhor. Com isso acabam afastando-se da pureza e mergulhando na sexualidade. Para muitas, levar uma camisinha na bolsa é sinal de maturidade, independência e responsabilidade.

Cuidado! Isso é uma armadilha! Pior do que uma gestação precoce ou uma doença sexualmente transmissível é a irresponsabilidade de desconsiderar aquele que nos comprou por alto preço, pecando contra Ele, usando da liberdade para dar ocasião à carne.

Por causa do Senhor, e para o seu bem, não faça uso de camisinha, pois ela não diminui a ofensa contra Deus, não abranda a feiúra do pecado, nem deixa a consciência cristã em paz; e, além disso, o padrão de Deus é claro: “Não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente…” (Rm 12.2). Ainda tem mais: “Segui a paz com todos, e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor” (Hb 12.14).

Tenha coragem de ser diferente, pois o Senhor mesmo prometeu: “…aos que me honram, honrarei” (1Sm 2.30).

Sérgio Rodrigues Ferreira
http://www.ufmbb.org.br/jca/?p=103

domingo, 23 de maio de 2010

“VOCÊ FUGIRIA?”

Imagine que isto está acontecendo:
Numa manhã de domingo, durante o culto, a congregação de 2.000 membros é surpreendida ao ver dois homens entrarem... ambos mascarados e vestidos de preto da cabeça aos pés e armados com metralhadoras...
Um dos homens proclamou:
"Quem quiser receber uma bala por Cristo fique onde está."
Imediatamente, o coro fugiu...
Dos dirigentes, só restou o mais ancião...E a maior parte dos fiéis desapareceram....
Dos 2.000 membros, somente ficaram 20...
O homem que tinha falado retirou a sua máscara, depois olhou para o pregador e disse:
"Ok Pastor, coloquei todos os hipócritas na rua...
... agora pode começar o seu culto. Tenha um bom dia !!! "
E os dois homens voltaram as costas e saíram...
E então... você teria fugido???
Você é aquele cristão fervoroso somente quando está dentro da igreja???
Deus sonda os corações... Você está querendo enganar a quem???

"Amarás, pois, ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma, de todo o teu entendimento e de todas as tuas forças."
(Marcos 12:30)

quinta-feira, 6 de maio de 2010


Qual o valor de uma Mãe?


Ex. 20:12; Mt. 15:4

Você tem honrado a sua Mãe?, você sabia que quanto mais honra-la, mais abençoado serás diante de Deus?, Deut. 5:16 fala que os dias de tua vida serão prolongados, e para que te vá bem em todos os teus caminhos, promessa igual a esta a Bíblia está cheia, mas para você receber terá de honrar a tua mãe.

COMO VOCÊ TEM TRATADO A SUA MÃE?, com honra ou como uma qualquer... Cuidado! Deus está de olho em você.
Alguns versículos para você meditar:



Pv: 6:20; 15:20; 23:22; Ez: 16:44; Mt: 19:17, 18 e 19; Mc:7:10 e 11; 10:19; Lc 18:20; Ef: 6:2


Mãe é símbolo de força, dor, sofrimento, alegria, paz, com uma capacidade especial dada por Deus, para cuidar de nós desde dentro do seu ventre até o fim de nossos dias.
Parabéns Mãe hoje é o seu dia, na realidade todos os dias são seus, Guerreira de Deus.
Parece que o nosso Bom Deus dotou todas as Mães com uma super força, mesmo muitas das vezes sendo injustiçada e não compreendida pelos filhos e família, sua força parece nunca acabar no duro trabalho do lar.



Dotada de uma sabedoria divina para nos ensinar quando ainda nem sabemos andar e falar.
Mãe conselheira e muitas vezes é tão pouco ouvida. E eu te pergunto!
QUANTOS CONSELHOS QUE A SUA MÃE TE DEU, QUE SE VOCE TIVESSE SEGUIDO HOJE A SUA VIDA ESTARIA DIFERENTE ?



Hoje é o seu dia, um dia comum, igual a todos com um significado muito especial. Qual o valor que você tem dado aquela pela qual você veio ao mundo, pense, SE ELA NÃO EXISTISSE VOCÊ NÃO EXISTIRIA, aquela que cuidou de você, quando você não podia, que te ensinou quando você nada sabia...
Filho volta, sua mãe te espera, ainda esta em tempo ( quantos filhos moram na mesma casa e estão tão distante de suas mães ).



Infelizmente hoje muitos filhos não respeitam as suas mães, outros nem conversam, Deus hoje esta te dando a oportunidade de reconhecer o valor daquela que te gerou... acorde...

Mãe sempre dedicada, sempre preocupada, para elas nunca crescemos o suficiente, nunca amadurecemos, sempre seremos suas eternas crianças.
Muitos hoje já perderam a sua, mas você que tem a sua Mãe, valorize o máximo que puder.

Mãe:
Muitas vezes na sua vida vai existir problemas, que com facilidade você resolverá, e logo eles desaparecerão de sua vida...
Mas também virão problemas mais graves que não irão desaparecer com facilidade, lembre-se que, quando vier estes problemas entregue-os nas poderosas mãos de Deus, o nosso Bom Deus sabe de tudo, pode tudo e vê tudo e jamais irá te desamparar...

Filhos respeitem a sua Mãe, honrem-na, sendo assim as promessas de Deus se cumprirão em suas vidas....

sábado, 10 de abril de 2010


ACREDITE
” Assim conhecemos o amor que Deus tem por nós e confiamos nesse amor.” (1 Jo 4:16)

Querido filho,


Eu conheço vc desde o princípio das eras. Sei quantos fios de cabelo há na sua cabeça. Como um pai e seu filho você foi criado a minha imagem. Eu tenho planos para você e te dei todos os dons necessários para que vc pudesse completá-los e o que Eu te dei ninguém pode tirar. Mas não abandone esses dons no fundo de uma gaveta qualquer, os exercite e os desenvolva a cada dia. Eu comecei a boa obra em vc e vou terminá-la. Sempre termino aquilo que começo. O meu compromisso com vc é eterno. Nessa vida vc terá desafios, mas se anime, Eu tirei de satanás o poder de te controlar e te destruir. Quando vc tiver com algum problema, lembre-se que Eu estou ao seu lado para te ajudar. Me dê as suas cargas e vou ajudar vc a seguir em frente. Quando estiver estressado e preocupado com as pressões da vida, se apoie em mim. Eu serei a sua rocha, sua fortaleza, seu libertador e sua força. Mesmo que vc falhe de vez em quando, nunca será descartado porque estou sempre te defendendo. Mas aqui vai uma palavra de alerta: não aceite os conselhos daqueles que são espiritualmente cegos e não ande com os céticos. Alegre-se na minha Palavra e então, como um grande carvalho que cresce a beira do rio, vc prosperará em tudo que fizer.
Com amor,

Deus.

Obs: E você? O que tem a me dizer? Espero anciosamente a sua resposta.

quinta-feira, 18 de março de 2010

UTENSÍLIOS DE PLÁSTICO X DIOXINA


O PLÁSTICO E O CÂNCER (IMPORTANTE PARA TODAS AS IDADES)

DIOXINA

Por que a Coca-Cola está voltando com as garrafas de vidro? Dioxina Carcinogênica causa especialmente câncer de mama. Não congele a sua água em garrafas ou utensílios de plástico, pois isso provoca a liberação de dioxina do plástico. Edward Fujimoto, médico do Castle Hospital, foi entrevistado por um programa de TV, explicando este alerta de saúde. Ele é o gerente do Programa Bem Estar, que visa a promoção de Saúde do Hospital. Ele falou sobre a Dioxina e seu risco de saúde para nós. Ele mencionou que não devemos esquentar alimentos em vasilhames de plástico no forno de microondas. Isto é aplicável para alimentos que contém gordura. Ele mencionou que a combinação de gordura, alta temperatura e plástico libera a dioxina o alimento e, por fim, vai parar nas células do nosso corpo. Dioxinas são carcinógenos altamente tóxicos. Ele recomenda o uso de refratário de vidro, pirex ou porcelana para aquecer alimentos. Você tem o mesmo resultado... sem as dioxinas. Sopas Lámen que adicionam água quente ao invólucro de isopor, ou qualquer tipo de comida semi-pronta/congelada com invólucro plástico, próprio para ir ao forno ou microondas, deveriam ser retiradas para outro tipo de vasilhame mencionado acima e aquecidas. Invólucro de papel não é ruim, mas não sabemos o que o papel pode conter, então, seria mais seguro usar refratário de vidro, pirex ou porcelana. Vocês devem se lembrar quando alguns restaurantes fast-food Mac donalds trocaram o invólucro de isopor pelo de papel. O problema da Dioxina seria um dos motivos. Para acrescentar, filme-plástico (saran wrap) utilizado para proteger e cobrir alimentos, podem, na verdade, respingar toxina venenosa (contida no plástico) no alimento a ser esquentado junto com o vapor condensado!!!! Use papel toalha, é mais seguro. Passe essa informação para os seus amigos e parentes.

Fonte: UNIMED - Itajubá

quinta-feira, 11 de março de 2010

FILHO PRÓDIGO, NÃO DESISTI DE VOCÊ!


FILHO PRÓDIGO, NÃO DESISTI DE VOCÊ!

“Inclinai os vossos ouvidos, e vinde a mim; ouvi, e a vossa alma viverá” ( Is. 55:3 )
Eu não o vejo como um pecador irrecuperável, mas como um filho que caiu e precisa do Meu perdão. Sou como o pai que diuturnamente espera pelo seu filho. A chama da esperança permanece em meu coração e eu nunca desisti de você.

Você anda desviado, mas ainda sou o Deus de misericórdia, que ama o pecador e pode perdoá-lo. Não sou eu um capitão enraivecido que espera matar um soldado desertor, porém sou um Deus que o ama muito e espero arregimentá-lo novamente para o meu exército! Você ainda pode ser um herói das batalhas do meu reino.

As algemas do pecado que o prendem são quebráveis; não desisti de perdoar e nem de amar! Sinto saudades do convívio que tínhamos com tanta intimidade. Não o vejo como um predestinado ao inferno, mas como um filho que se sujou com o pecado e que pode ser lavado pelo poder do Meu sangue.

Tenho grandes planos para sua vida. Com eternas misericórdias quero acolhê-lo e envolvê-lo nos Meus braços, como a mãe acolhe o seu filhinho machucado.

Pense em meu servo Davi: ele não caiu na caverna escura do pecado? Sim, porém não fui eu que fiz a minha luz brilhar para acordá-lo e levá-lo ao arrependimento? Eu o perdoei, e ainda lhe dei grandes vitórias, não retirei a sua coroa e não o castiguei eternamente. Bastou que se arrependesse profundamente e abandonasse o pecado definitivamente. Isso foi o suficiente para devolver-lhe a alegria da salvação.
Pense em Pedro, Não foi ele quem me negou três vezes? Não foi ele que no momento da minha dor afirmou não me conhecer? Entretanto, foi este mesmo Pedro que chorou amargamente, caiu em si, se arrependeu da sua covardia e buscou insistentemente uma nova oportunidade. Ele foi perdoado e se transformou em um dos maiores pregadores da sua época.

E Então? Se eu não desisti de perdoá-lo, por que vai desistir de me buscar? Comece fazendo uma limpeza em seus pensamentos, jogue fora todas as mentiras de Satanás, não olhe para o que sua doentia mente tem crido, mas para o que eu penso e o que eu falo.( Mt. 11:28,29 ).

Extraído do livro “Não desisti de você”, Autor Sufrônio J. Neto.

sábado, 6 de março de 2010

Dificuldade, isso é de Deus?


“Tenho-vos dito estas coisas, para que em mim tenhais paz. No mundo tereis tribulações; mas tende bom ânimo, eu venci o mundo.” (João 16.33.)

O novo nascimento não nos isenta das dificuldades como alguns acreditam, mas também não nos insere num mar de adversidades como muitos creem. Na verdade, a questão de nos tornarmos filhos de Deus simplesmente nos faz grandes o suficiente em Cristo para derrotá-las. É por isso que o apóstolo Paulo disse com grande convicção: “Posso todas as coisas naquele que me fortalece.” (Filipenses 4.13.) No verso anterior do mesmo capítulo, ele também afirmara, e convicto: “Sei passar falta, e sei também ter abundância; em toda maneira e em todas as coisas estou experimentado, tanto em ter fartura, como em passar fome; tanto em ter abundância, como em padecer necessidade.” Paulo aprendeu a ser mais que vencedor em todas as situações.

O justo também passa por dificuldades. O justo é também afligido não por ter pecado, mas por causa do pecado no mundo (Romanos 8.19-23). O próprio Jesus, quando clamou ao Pai pelos discípulos e por cada um dos que seriam seus filhos - incluindo eu e você - para que não fôssemos tirados do mundo, mas para que nos livrasse do mal. O fato de estar passando por dificuldade não o torna mais ou menos justo. Você está no mundo. O salmista foi muito claro: “Muitas são as aflições do justo, mas o Senhor de todas o livra.” (Sl 34.19.)

Muitos tendem a fazer das dificuldades o “termômetro divino da vontade de Deus”, ou seja, se tudo estiver bem,“é de Deus!”, mas se há problemas e dificuldades, “não é de Deus!” Esse é outro extremo terrível. Nos capítulos 13 e 14 de Números lemos acerca do momento em que doze espias foram enviados à Terra Prometida para sondarem-na. Dez deles retornaram com um relatório negativo por causa das dificuldades encontradas. O gigante era um deles. Viveremos melhor a vida cristã se entendermos que as circunstâncias não ditam a nossa vida, não guiam os nossos passos e não determinam o nosso futuro. O que determina tudo na nossa vida é a PALAVRA DE DEUS! Descanse na fidelidade de Deus! Tenha bom ânimo! Ele venceu, logo, nós também vencemos, pois a vitória dele é a nossa vitória! “Mas graça a Deus, que nos dá a vitória por nosso Senhor Jesus Cristo.” (1Co 15.57.)

:: Por Pr. Leonardo e Vanessa CapochimLíderes da Mocidade Lagoinha.

quinta-feira, 4 de março de 2010

A Alegria de louvar



Quando estamos louvando a Deus uma alegria imensa nos envolve, a graça de Deus e a sua unção fluem em nosso meio nos dando ainda mais amor pelo Senhor e pelos irmãos, Deus é tão bondoso que enquanto o louvamos Ele cura pessoas, restaura, transforma, aviva, louvar a Deus é tremendo, eu não consigo me imaginar não louvando o Senhor.

Fomos criados para a glória de Deus, fomos criados a sua imagem e semelhança, note que quando Deus disse: Façamos o homem a nossa imagem, conforme a nossa semelhança;(Gn. 1:26), neste momento quando Deus estava decidindo criar o homem nós podemos notar o amor de Deus por nós, o amor de Deus é tão grandioso que Ele fez o homem a sua imagem, você já tinha pensado nisso?, vamos mais adiante, Deus criou o homem e viu que não era bom que ele estivesse só e então criou a mulher, a mulher foi enganada pela serpente (Satanás) e se deixou levar pela idéia de ser igual a Deus, chega então o homem e sua mulher o fala que comeu do fruto da “arvore do conhecimento do bem e do mal”, o cabeçudo do homem vai e também come, este é o momento em que o pecado entra no mundo através da desobediência do homem, Deus então diz p/ a serpente: E porei inimizade entre ti e a mulher, e entre a tua semente e a sua semente; esta te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar.(Gn. 3:15), mesmo após a queda do homem que desobedeceu ao Senhor, ainda assim Deus já mostra o que fará p/ salvar o homem.

Jesus veio ao mundo, nascido de mulher, Jesus era 100% homem e 100% Deus, Jesus como homem estava sujeito ao pecado assim como nós, como homem Ele dormia no barco - E eis que no mar se levantou uma tempestade, tão grande que o barco era coberto pelas ondas; ele, porém, estava dormindo.(Mt. 8:24) – mas como Deus Ele repreendeu a tempestade - E ele disse-lhes: Por que temeis, homens de pouca fé? Então, levantando-se, repreendeu os ventos e o mar, e seguiu-se uma grande bonança.(Mt. 8:26), esse é o Senhor que nós servimos, “por Ele ,por meio d´Ele e para Ele foram feitas todas as coisas”. Porque nele foram criadas todas as coisas que há nos céus e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades. Tudo foi criado por ele e para ele.(Cl. 1:16)

Eu vim a esta terra pra louvar ao Senhor
O Deus de Abraão, Isaque e Jacó
Também é o meu Pai, também é o meu Senhor
Que enviou Jesus, o meu Salvador
E é com alegria, e é com glória a Deus,
E é batendo palmas, louvando ao meu Senhor
Que eu vou dizer ao mundo que eu sou de Jesus
Que eu sou de Jesus!

Você é um adorador?

Adore ao Senhor com todo o seu coração, fôlego, vida, com tudo que você é, Deus habita no meio dos louvores, busque intimidade com o Senhor, ore constantemente, faça jejum pelo menos uma vez por semana. Onde Jesus está acontecem milagres e prodígios, botijas são cheias, pessoas são batizadas com o Espírito Santo, recebem dons, um fala em línguas, outro interpreta, outro profetiza, outro tem visões, onde Jesus está pessoas são curadas, vidas são transformadas, casamentos restaurados, famílias são estruturadas, onde Jesus está nada fica como é, ao contrário disso tudo é transformado, santificado, purificado.

A alegria do Senhor é a nossa força, “cante, louve, dance, Deus está em nosso meio”, é hora de festejar, celebrar, é hora de prostrados adorar ao Senhor. Muitas vezes nos sentimos cansados, mas não devemos parar e nem olhar para o que já passou, devemos prosseguir para o alvo:

Irmãos, quanto a mim, não julgo que o haja alcançado; mas uma coisa faço, e é que, esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim, Prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus.(Fl. 3:13,14)

Jesus também sentia cansaço físico, mas Ele não parou, Ele não desistiu, Ele continuou firme para cumprir com o propósito para o qual Ele veio ao mundo em forma da carne do pecado, Jesus não tinha pecados, mas na cruz Ele tomou sobre si as nossas transgressões, ou seja, Ele tomou sobre si os nossos pecados e foi nesse momento que Deus se retirou e deixou Jesus....

E perto da hora nona exclamou Jesus em alta voz, dizendo: Eli, Eli, lamá sabactâni; isto é, Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste?(Mt. 27:46)

Por que Deus o deixou?

Porque Deus não fica onde tem pecado e naquele momento todos os nossos pecados estavam sobre Jesus. Infelizmente o homem continua ingrato e desobediente a Deus, mas você meu irmão (irmã) conhece a verdade.

Deus com seu imenso amor enviou Jesus para salvar-nos e aniquilar o pecado, tão grande amor, dor, sofrimento.
Deus não merece o seu louvor, a sua adoração?

Você está cansado, desanimado, parou?

Não entendo, você deveria estar alegre.